António Botto, poeta, escritor, dramaturgo (Abrantes, 1897-Rio de Janeiro, 1959) | Arquivo Distrital de Santarém
Saltar os Menus

Notícias

17 de Agosto de 2017

António Botto, poeta, escritor, dramaturgo (Abrantes, 1897-Rio de Janeiro, 1959)

Faria hoje 120 anos, aquele que marcou indelevelmente a literatura portuguesa pela sua ousadia, coragem ou loucura, num verdadeiro atentando contra o pudor, fazendo explodir esteticamente a sua homosexualidade em expressões eróticas, causando grande escândalo e ultraje.

Links:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Ant%C3%B3nio_Botto

http://estrolabio.blogs.sapo.pt/983813.html

 

Esta notícia foi publicada em 17 de Agosto de 2017 e foi arquivada em: Documento em Destaque.

Comente esta notícia